segunda-feira, 18 de maio de 2009

Heaven and Hell - inesquecível!!

Depois de duas semanas absurdamente atarefada, estou de volta!! E em estado de graça, depois do show magnífico do HEAVEN AND HELL.

A reclamar, apenas o fato do set-list ter sido um tanto curto (12 músicas), eu teria ficado mais uma meia hora ali sem o menor problema. Som impecável, palco simples porém de muito bom gosto e o principal: DIO, TONY IOMMI, GEEZER BUTLER e VINNIE APPICE. Eu já tinha visto o Dio, em sua carreira solo por 3 vezes, então não era exatamente uma novidade. Mas fiquei emocionada ao ver ao vivo, pela primeira vez, o cara que simplesmente é o "criador" disso tudo: TONY IOMMI! Com a mesma roupa toda preta de sempre, os mesmos oclinhos meio escuros de sempre, o mesmo crucifixo de prata de sempre, o mesmo bigode de sempre e A MESMA COMPETÊNCIA DE SEMPRE! O som da banda estava perfeito, redondinho, e o público cantou todas as músicas - todas eram clássicos, afinal - com eles.

Fomos eu, meu marido e alguns amigos nossos, fora os outros que encontramos por lá. Nossa tentativa de chegar perto da grade foi meio frustrada, pois apesar de estarmos bem perto do palco, todo mundo resolveu levantar suas câmeras ao mesmo tempo e filmar o show, e eu, do alto dos meus 1,57m não conseguia ver nada. Resolvemos chegar um pouco para trás, quase no final da pista VIP (onde estávamos), o que ainda era bem perto do palco, e conseguimos ver muito bem o resto do show. Destaques: "The Mob Rules", "Children of the Sea", "Die Young" (momento arrepiante), "Heaven and Hell" e "Neon Nights". Dio carismático como sempre, Vinnie Appice também muito simpático, Tony Iommi sorridente (!!) e um Geezer Butler estranhamente muito emburrado, mal se comunicando com a platéia e o resto da banda. Teria havido algo??

Fosse o que fosse, não atrapalhou em nada o show, que para ser perfeito só precisava ter mais umas 2 ou 3 músicas (entre elas, "After All" do álbum "Dehumanizer", uma das minhas preferidas). Momento TR00: palco todo escuro, Dio iluminado apenas por uma luz vermelha vinda do chão... O capeta em pessoa!!

Vale destacar as 3 músicas do novo álbum: "Bible Black" (matadora!), "Fear" e "Follow the Tears", não deixam nada a dever aos clássicos dos tempos de Sabbath. Inclusive "Fear", que eu particularmente não tinha gostado muito quando ouvi pela primeira vez, ao vivo se revelou uma música fortíssima.

Pra fechar a noite com chave de ouro, Butler e Iommi começam a jogar palhetas para o público. Meu marido correu pra frente do palco e conseguiu pegar três! Duas do Geezer e uma do Tony, lindas, relíquias!!

Não reparem na qualidade da foto, está meio tosquinha pois foi tirada com o meu celular, que não é exatamente uma câmera profissional...

2 comentários:

  1. Esse show foi foda demais! Pena que eu não consegui pegar nenhuma palheta, também estava lá atrás na área vip, quase na grade!

    Senti muita falta de TV Crimes, mas já sabia que eles não ia tocar, a música que eu mais curti no show nem foi Heaven and Hell ou Neon Knights e sim Time Machine! Ficou sensacional!

    Parabéns pelo blog!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Esse show foi foda demais! Pena que eu não consegui pegar nenhuma palheta, também estava lá atrás na área vip, quase na grade!

    Senti muita falta de TV Crimes, mas já sabia que eles não ia tocar, a música que eu mais curti no show nem foi Heaven and Hell ou Neon Knights e sim Time Machine! Ficou sensacional!

    Parabéns pelo blog!

    Beijos

    ResponderExcluir